Marketing de relacionamento: nunca é tarde para começar a se relacionar bem com seus clientes

18 de julho de 2017

Relacionamento é parte fundamental da vida em sociedade e no mundo dos negócios define sucessos e fracassos, o que tornam esse “fundamento” profissional tão importante, a ponto de grandes nomes, daqueles que a gente lê e usa como cartilha na faculdade, terem criado o conceito de marketing de relacionamento.

Quer promover seu negócio e aumentar suas vendas? Receba dicas de Marketing Digital no seu e-mail. Aplique técnicas que dão resultados, utilizadas por nós e nossos clientes. Inscreva-se abaixo:


Marketing de relacionamento

O marketing de relacionamento engloba aquelas ações da empresa orientadas a proporcionar um relacionamento positivo, duradouro e, claro, lucrativo com seus clientes, fornecedores, funcionários, sócios e todos os envolvidos no negócio. É como o sorriso bonito aí da foto, faz as pessoas se sentirem bem, inspiradas, desperta anseios.

No livro “Administração de Marketing”, um dos gurus da área, Philip Kotler define marketing de conteúdo como a prática de construir relações satisfatórias a longo prazo os envolvidos no negócio para reter sua preferência.

Quem faz marketing de relacionamento

As marcas mais amadas do mundo utilizam suas estruturas gigantescas todas para reforçar o relacionamento com seus clientes. A Apple com sua devoção ao UI Design e UX Design — saiba o que é isso aqui —, Nike e Adidas com a onipresença em arenas esportivas, nas ruas, redes sociais e mídia tradicional, o eterno trabalho da Coca-Cola para ser considerada uma substituta à água quando pensamos em bebidas.

Essa orientação desses grandes nomes está sempre em busca de reforçar não só a marca, mas a experiência antes e depois de consumir seus produtos e serviços. Ou você ainda não percebeu que se o Google fazer você entendê-los como sinônimo de internet, isso deixará o negócio deles ainda mais rentável?

Claro, o marketing de relacionamento é um conceito possível também para estruturas menores e muita gente já adota algumas práticas sem perceber, sem estratégia.

Importância de ter estratégia de marketing de relacionamento

Ter estratégia é fundamental para os negócios e, para realmente adotar o marketing de relacionamento, é preciso definir objetivos, se planejar, definir a execução e conseguir mensurar os resultados.

Nosso objetivo nesse post não é ser um livro sobre marketing de relacionamento, pois para isso podemos indicar autores indispensáveis que abordam o conceito, como o já citado Kotler, além de Peter Drucker, Regis McKenna, Itzhak Meir Bogmann, entre outros. A ideia aqui é despertar a necessidade de começar a se relacionar e fidelizar seus clientes.

Essa importância é reforçada por especialistas em vendas, como o Ciro Bottini do blog Você Vendedor. Bottini aposta no cultivo de relacionamentos uma prática essencial para ser um bom vendedor.

Pensar estrategicamente o marketing de relacionamento é definir cada ação tendo em mente qual é seu objetivo. Inserindo o conceito no marketing digital, de nada adianta criar postagens maravilhosas nas redes sociais se elas não tiverem lastro, finalidade.

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) tem um vídeo interessante para quem quer entender melhor a importância do marketing de relacionamento nos negócios:

Marketing digital é marketing de relacionamento

Apesar da frequente obsessão dos teóricos em “dar nome” a tudo, pelas práticas e ferramentas adotadas é fácil perceber que o marketing digital consiste exatamente no marketing de relacionamento.

Uma empresa cria conteúdo para ajudar as pessoas e proporcionar uma experiência positiva que faça o cliente retornar, seja após se cadastrar para receber as novidades por e-mail, seja ao fazer o download de um material útil ou vídeo, entre outras formas. O objetivo, é claro, tornar-se útil ao ponto de despertar naquele cliente em potencial a necessidade de consumir os produtos ou contratar os serviços da empresa.

A vantagem de usar o marketing digital para aprimorar e fortalecer o relacionamento com os clientes é o investimento necessário, bem menor que pelos meios tradicionais. Mas como usar as ferramentas digitais na estratégia de marketing de relacionamento? Enumeramos alguns pontos:

  • Comunicação interativa:

    os recursos digitais possibilitam essa interação frequente, com postagens nas redes sociais e, por exemplo, o marketing no Facebook.

  • Confiança, consistência e segurança:

    são valores perceptíveis pela proximidade do cliente com uma empresa, a frequência da interação e a qualidade das informações oferecidas tem a capacidade de aproximar o cliente e oferecer serviços totalmente fundamentados na informação, como prega o Inbound Marketing. E qualquer empresa pode adotar a metodologia, independente do tamanho!

  • Preservar a empresa sempre na memória do cliente e manter o contato:

    além das mídias digitais, o e-mail marketing é uma ótima ferramenta para manter contato com os clientes. Segundo a Ascend2, a maioria das pessoas (85%) se cadastra para receber e-mails das marcas em busca de vantagens. 39,3% delas porque precisaram fazer isso para concluir uma tarefa. Ter um bom sistema de CRM também é importante.

Se tem dúvidas de como executar o marketing de relacionamento aliado às ferramentas digitais, confira o case de um de nossos clientes, a rede de concessionárias Ford Superauto. Ah, e fique tranquilo, falaremos mais do assunto em breve, mas pode deixar seus comentários e sugestões aí, será um prazer respondê-los!

Autor Flavio em ODIG Digital Marketing Experts
Flavio Barboni

Jornalista, graduado pela Universidade Anhembi Morumbi (SP) e com experiência em redações, produção de conteúdo e em comunicação corporativa.

Faça seu comentário aqui: